Informação sobre glaucoma, causas, sintomas e tratamento do glaucoma, identificando o diagnóstico de glaucoma primário, secundário, de ãngulo aberto e fechado, com dicas que permitam a cada pessoa identificar este problema em fase prematura.


terça-feira, 31 de julho de 2012

Diagnóstico do glaucoma

O diagnóstico do glaucoma é baseado na história familiar do indivíduo, nos sinais clínicos e nos exames oftalmológicos.
As revisões oftalmológicas periódicas que habitualmente se realizam com carácter anual para a detecção do glaucoma incluem:
  • Trinometria (Tonometria de aplanação) – exame para medição da pressão intraocular;
  • Oftalmoscopia (Fundo de olho) – exame para avaliar o fundo do olho, para comprovar se existe algum dano no nervo óptico;
  • Gonioscopia – exame para comprovar, em caso de suspeita de glaucoma, a que tipo pertence;
  • Campimetria ou exploração do campo visual - exame para avaliar se há perda do campo visual Esta prova não se realiza rotineiramente, mas é imprescindível para confirmar o diagnóstico e estabelecer o tratamento adequado. Por isso, se realiza quando a trinometria ou a oftalmoscopia dão resultados que levam o oftalmologista a suspeitar que a doença está na sua fase inicial ou tem sérias dúvidas e necessita de confirmar o diagnóstico.
Índice dos artigos relativos ao Glaucoma

ACOMPANHE OS ARTIGOS DO BLOG NO SEU EMAIL